Geek2Me

Com as novas ramificações do multiverso na Marvel, seremos apresentados aos primeiros mutantes num futuro próximo e provavelmente ao ler ou ouvir sobre mutantes viu termos como “mutante ômega”, essa é uma das classificações para eles. Então aqui está as explicações e classificações do mutantes no universo da Marvel.

Os mutantes são seres únicos, que nascem com diversos tipos de dons e habilidades por conta das mutações localizadas no Gene X e são colocados numa classificação de acordo com seu nível de poder e o tipo de suas habilidades. Esse sistema possui seis classes distintas: Ômega, Alfa, Beta, Gama, Delta e Épsilon.

Épsilon

Os mutantes nível Épsilon, normalmente tem dons que não tem serventia tanto para a ofensa quanto para a defesa, além de terem suas aparências fortemente alteradas fazendo com que eles não possam se passar por seres humanos normais.

Um exemplo de mutante Épsilon é o Bico, Barnell Bohusk levava uma vida normal até sua puberdade.

Em vez de desenvolver pelos, o jovem viu penas crescerem por todo o seu corpo, bem como um bico se desenvolver no meio do seu rosto!

 

Delta

Os mutantes nível Delta, é uma classe composta por seres que não possuem traços físicos podendo passar por humanos. Quanto aos seus dons e habilidades, eles tendem a não ser muito ofensivos ou defensivos.

Um exemplo de mutante Delta é Forge, possui habilidades místicas naturais e o poder mutante de intuitivamente compreender tecnologia e construir qualquer coisa que ele possa conceber.

 

Gama

Os mutantes nível Gama, já que eles possuem poderes tão eficazes quanto os Alfa e os Beta. Esses mutantes possuem traços físicos muito marcantes não podendo passar por humanos. Nem sempre esses traços físicos estão diretamente associados aos seus dons. Em uma escala global, eles representam uma parcela considerável da raça mutante.

Um exemplo de mutante Gama é o famoso Noturno.

 

Beta

Os mutantes nível Beta, são bem parecidos com os Gama, já que sua maior característica está no fato de também não conseguirem controlar seus poderes completamente. A principal diferença é em sua alteração física que são bem menores sendo apenas detalhes que podem passar despercebidas.

Um exemplo de mutante Beta é o Wolverine que sua principal alteração física são suas garras que podem ser escondidas.

 

Alfa

Os mutantes nível Alfa são famosos por ter um domínio maior de suas habilidades, além de conseguirem se disfarçar normalmente entre seres humanos.

Um exemplo bem disso é o Ciclope que sofreu um acidente durante a sua infância, e por isso perdeu o controle de suas rajadas ópticas devido a danos permanentes em seu cérebro, mas caso isso não tivesse acontecido, ele seria capaz de controlar seus poderes e se disfarçar como humano.

 

Ômega

No começo os mutantes nível ômega só era usado pelos Filhos do Átomo que apresentasse um nível de poder jamais visto. Mas com as mudanças apresentadas em Aurora de X, temos uma nova determinação para o uso da classe. Agora, os ômega são os mutantes que estão no topo de seus poderes específicos.

Por exemplo, o Jean Grey é ômega porque seu nível de telepatia é mais poderoso que qualquer outro telepata mutante da Marvel. Tempestade é a que possui maior domínio climático, enquanto Magneto é o que melhor controla campos magnéticos.

Essa classificação normalmente é usada em mutantes que manipulam matéria e energia e que podem desenvolver mutações secundárias com facilidade.